Feminicídio de setembro resultou em 2 mortes em Costa Rica

Noticias gazetacrnews em 25 de outubro, 2021 13h10m
Facebook Twitter Whatsapp

Vera Lúcia, que não resistiu aos ferimentos e faleceu na sexta-feira (23).

Da Redação - No dia 28 de setembro, Anilson Assis de Oliveira, 49 anos, atentou contra a vida de sua ex-esposa, Vera Lúcia Machado de Souza, 37 anos. Ela foi ferida com 4 tiros, e depois de atendida  no hospital de Costa Rica, foi transferida para a cidade de Campo Grande. Na capital ela ficou por 26 dias, e foi a óbito na útlima sexta-feira, dia 22 de outubro.

 

Vera sofreu uma parada cardiorespiratória, sem sucesso ao protocolo de reversão do quadro, que era gravíssimo. Toda esse tempo, ela permaneceu sedada e entubada. 

 

O autor dos disparos, Anilson também veio a falecer no dia de ontem (24), depois que tentou o suicidio logo que atentou contra a vida da ex-mulher. Ele permaneceu todos esses dias internado na Santa Casa de Campo Grande sob escolta policial. 

Crime – A vítima chegava em casa quando foi surpreendida por Anilson e foi atingida por quatro tiros antes mesmo de descer do carro que dirigia. Após os disparos, ele fugiu em uma motocicleta e foi encontrado pela Polícia Militar já com o ferimento de tiro na cabeça, às margens do Rio Sucuriú.

Feminicidio-de-setembro-resultou-em-2-mortes-em-costa-rica_350x350-199146Feminicidio-de-setembro-resultou-em-2-mortes-em-costa-rica_350x350-199148

Publicidade
Compartilhe esta notícia:
Facebook Twitter Whatsapp

Comentários