Aulas presenciais são adiadas em Costa Rica, e vai continuar o sistema remoto

Noticias gazetacrnews em 24 de fevereiro, 2021 20h02m
Facebook Twitter Whatsapp

Prefeito Cleverson dos Santos.Foto: Arquivo/Jean Martins JPNEWS.

Da Redação – As aulas presenciais foram adiadas na rede municipal de Costa Rica até o dia 31 de março desse ano. Até essa data, o sistema será remoto. As escolas Adenocre Alexandre de Moares, Joaquim Faustino Rosa, Francisco Martins Carrijo, Vale do Amanhecer e Fábio Barbosa, não irão receber os alunos nesse período (até 31 de março), e os alunos deverão voltar ao sistema remoto, com o acompanhamento dos professores.

A anúncio foi feito em uma live pelo prefeito Cleverson dos Santos e a secretária de Educação, professora Maria Barbosa Moreira. O prefeito alegou que todas as medidas haviam sido tomadas para o retorno, já em 1° de março, mas devido uma análise mais acurada, inclusive com a manifestação da Associação dos Municípios, a Assomasul, que reúne os prefeitos do Estado, que se manifestou pelo o adiamento das aulas presenciais. Na programação da secretaria de Educação, as aulas presenciais devem voltar em 1° de abril, caso a pandemia do coronavírus esteja sob controle até essa data. Costa Rica registra 100 pessoas em isolamento, 7 internados, sendo 3 na UTI do hospital da cidade.

A Secretaria de Educação do município, elaborou um Plano de Biossegurança, para garantir aos profissionais e funcionários, além dos alunos, toda um sistema eficaz de segurança e proteção contra o vírus.

Uma noticia publicada hoje no site do Correio do Estado, e republicada no GazetaCRNews, coloca a cidade de Costa Rica dentre os 31 municípios com estão sob a bandeira vermelha do Covid-19.

Publicidade
Compartilhe esta notícia:
Facebook Twitter Whatsapp

Comentários