Camapuã: Prefeito e esposa devem embolsar R$ 29,5 mil ao mês com salários

Noticias gazetacrnews em 17 de janeiro, 2021 14h01m
Facebook Twitter Whatsapp

Prefeito Manoel Nery.Foto: Divulgação/Infoco MS.

Da Redação – Como deve estar a cabeça do eleitor de camapua, que acabou de eleger um novo mandatário, Manoel Nery, que é filiado ao DEM, logo que assumiu a Prefeitura, nomeou sua esposa, a advogada Terislene Lopes Conegundes Nery, para ocupar a pasta de Assistência Social, com salário de r$ 7,3 mil ao mês. O salário do prefeito de Camapuã é de 22,2 mil reais. A soma do casal para os cofres do município será de R$ 29,5 mil.

Nery é filho do ex-deputado e ex-prefeito Moisés Nery, e se elegeu depois do desastre administrativo do seu antecessor Delano Huber. A carta de apresentação de Nery à população não é dos melhores, pois priorizou o ganho da própria família.

Em Costa Rica, o prefeito que assumiu em janeiro, o delegado de Polícia, Cleverson dos Santos não nomeou sua esposa em nenhum cargo. Ela, a senhora Márcia vai presidir uma fundação sem fins lucrativos.

Publicidade

Nas cidades de Corumbá, Marcelo Iunes também nomeou a esposa no cargo de secretária. Em Miranda, o prefeito Edson Moraes, nomeou o filho e o irmão para titulares em secretarias.  
Todos esses prefeitos que estão nomeando parentes em primeiro e segundo grau, estão afrontando a Súmula Vinculante n. 13, do STF – Superior Tribunal Federal, que veda a nomeação de cônjuge, companheiro (a) u parente para cargo de confiança ou comissão.  

Camapua-prefeito-e-esposa-devem-embolsar-rs-29-5-mil-ao-mes-com-salarios_350x350-182974Prefeito de Corumbá, Mercelo Iunes e sua esposa.

Publicidade
Compartilhe esta notícia:
Facebook Twitter Whatsapp

Comentários